Novas regras para entrega da Declaração do imposto de Renda

Prazo vai até 29 de abril

Fifa abre janela para jogadores na Rússia e na Ucrânia

Decisão foi motivada pela guerra que acontece no Velho Continente

Expedito Jr. faz Gol de Placa ao apoiar esporte amador em Bacabal

Desportista declaram apoio ao trabalho de expedito

Norris Cole, Lady Conceição e Norris Cole Jr. fazem Show Internacional em Bacabal

Show deve mobilizar toda massa reggueira de Bacabal e região

Diário do Mearim Cidadania

Diário do Mearim Cidadania

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Paratletas do MA participarão de palestra em São Luís


A Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, e com apoio da Companhia Energética do Maranhão (Cemar), promoverá, nesta sexta-feira (30), uma palestra esportiva aos 21 Paratletas que disputaram as Paralimpíadas Escolares 2012, realizadas na cidade de São Paulo no mês de outubro. A palestra será realizada a partir das 16h, no Auditório da Cemar, no bairro do Cohafuma.
O evento contará com a presença do ultramaratonista Manoel Mendes, que disputou a Ultramaratona Spartathlon, realizada na Grécia e considerada com uma das mais difíceis do mundo, com percurso de 246 Km de distância.
Foi por meio da Lei de Incentivo ao Esporte e apoio da Cemar que Manoel Mendes conseguiu participar da competição. Na solenidade, o atleta ministrará uma palestra retratando sobre sua trajetória no percurso, experiências de vida e o valor do esporte na vida das pessoas.
Ao final, os 21 atletas paralímpicos receberão kits esportivos oferecidos pelo projeto Ultraman Manoel Mendes, contendo tênis especiais para as modalidades, tocas de natação, caneleiras, kits de tênis de mesa, bolas especiais para futsal e atletismo e camisas para treinos e passeio, o que irá ajudar na continuidade dos treinos e disputas que os jovens desenvolvem representando o esporte maranhense.
Estarão presentes no evento, o secretário de Estado do Esporte e Lazer, Joaquim Nagib Haickel, representantes da Cemar, APAE e Escola de Cegos de Maranhão.
As informações são da Secom do governo do Estado.

Federação de tênis de mesa cria polos e leva competição a Bacabal


 Com nova visão e determinada a incentivar e estender a prática do tênis de mesa por bairros de São Luís e no interior do Estado, a diretoria da Federação Maranhense de Tênis de Mesa, liderada pelo professor Pedro Humberto Moraes, está criando polos em várias localidades para divulgar o esporte, organizar competições e anunciar os novos talentos.
O projeto da FMTM já funciona na cidade de Bacabal e o resultado começa a surtir efeito. Sábado e domingo foi realizada a I Copa Reis Magos de Tênis de Mesa, evento que marca o início do Projeto da FMTM, visando massificar o esporte pelo Maranhão, criando cidades-polos. O evento foi disputado no Ginásio de Esportes do Colégio Reis Magos, em Bacabal (MA).
FONTE:O ESTADO

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

ONU reconhece Palestina como Estado observador não membro


Estado Palestino
Por maioria, a Assembleia-Geral da ONU reconheceu nesta quinta-feira a chamada Palestina como um Estado observador não membro. A decisão eleva o status do Estado palestino perante a organização e significa uma importante vitória política para os palestinos.
A resolução foi aprovada com 138 votos dos 193 da Assembleia-Geral. Houve nove votos contrários e 41 abstenções.
O status de Estado observador, semelhante ao do Vaticano, não garante direito a voto e fica aquém do reconhecimento pleno, que transformaria a Palestina no 194º membro da organização. Desde a entrada na ONU, em 1974, os palestinos eram representados pela OLP (Organização para Libertação da Palestina), que tinha o status de entidade observadora.
Pelo direito internacional, o reconhecimento de Estados não se dá na ONU (Organização das Nações Unidas), mas por outros países.
Perante as delegações, o presidente da ANP (Autoridade Nacional Palestina), Mahmoud Abbas, afirmou que "a janela de oportunidade" para a paz "está se fechando".
Ele afirmou que a mudança solicitada pelos palestinos nesta quinta é a "única chance de salvar a solução dos dois Estados". Para Abbas, a operação realizada pelo Exército de Israel contra a faixa de Gaza, há duas semanas, que matou quase 170 palestinos, é um "doloroso lembrete" de que a solução de dois Estados é "uma escolha muito difícil, se não impossível".
Muito aplaudido, ele disse ainda que não aceitará "nada além de uma Palestina independente", que viva ao lado de um Estado judeu. "Não acho que isso seja terrorismo."
O pedido não acontece nesta quinta por acaso. Ele marca o aniversário de 65 anos da resolução que estabeleceu a divisão da Palestina em um estado árabe e outro judeu. Os líderes judeus aceitaram e fundaram Israel. Mas a liderança árabe rejeitou o plano e declarou guerra, reivindicando toda a Palestina.
Logo após Abbas, o representante de Israel tomou o palco e afirmou que a paz só pode ser alcançada por meio de negociações de paz, e não por meio de uma resolução na ONU. Ele ainda criticou Abbas por reivindicar liderança sobre um território que não controla --a faixa de Gaza, dominada pelo movimento radical islâmico Hamas. "Os que apoiarem a resolução hoje estão minando a paz, e não dando o seu apoio."
Prosor afirmou que "os Palestinos estão virando as costas para a paz" e que a entidade "não pode quebrar a relação de 4.000 anos de ligação entre o povo de Israel e a Terra de Israel".
Ele acusou os palestinos de não aceitarem a "mão estendida" de Israel para negociar um acordo de paz. "Essa resolução não serve para as negociações de paz com Israel, não diz nada sobre a segurança de Israel e não pede o fim do conflito". "A verdadeira negociação não é em Nova York, mas sim em Jerusalém e em Ramallah."
PAZ
Mais cedo, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu formalmente que dirigentes israelenses e palestinos "retomem o processo de paz", paralisado há dois anos. "O necessário, agora, é vontade política e é coragem", disse Ban durante discurso no Comitê sobre os Direitos Inalienáveis do Povo Palestino.
Recomeçar as negociações "é a única maneira de resolver os temas que permanecem suspensos" entre a ANP e Israel e conseguir um acordo de paz, disse.
Ban reiterou sua condenação aos ataques feitos a partir da faixa de Gaza contra o território israelense, bem como a colonização da Cisjordânia por Israel. "O prolongamento da política de assentamentos na Cisjordânia, incluindo Jerusalém Oriental, constitui uma violação do direito internacional e essas ações devem acabar."

No Maranhão Homem imita Rei Salomão e transa com 1.667 mulheres


José Lima exibindo caderno com o nome das mulheres

O fato inusitado foi descoberto pelo blogueiro Maicon Sousa. Trata-se de um homem identificado como José Lima do Nascimento (76 anos), o mesmo é natural do Piauí e já transou com 1.667 mulheres. Nascido em Teresina, José Lima, deu inicio a sua obstinada tarefa de transar com mais de 1.000 mulheres quando tinha 18 anos.
 
Em 19 de Maio de 1975, José Lima foi destaque no Jornal imprenso ‘Jornal da Província’ por que já havia transado com 797 mulheres. Na época em entrevista ao jornalista, o mesmo jurou que não descansaria até que atingisse a marca de mil mulheres. Ou seja, a mesma atingida pelo personagem bíblico, Rei Salomão.

As mulheres com quem José Lima já transou, são de 12 estados diferentes sendo eles: Maranhão, Piauí, Pará, Amazonas, Amapá, Pernambuco, Goiás, Tocantins, Paraná, Rio de Janeiro e Bahia. O piauiense afirmou ao Blog Maicon Sousa.com que sua vitalidade é fruto de um regime alimentar. Ele é vegetariano e sua cadeia alimentar é composta por leite, frutas, legumes e verduras.
Ao todo José Lima já transou com 1.667 mulheres. Tal marca foi conquistada em 58 anos e 9 dias. Afirma ainda que possui um caderno em que anotou nomes das mulheres e datas em que ocorreram as relações “amorosas”.
Atualmente com 76 anos José Lima, mora na Vila Ildemar em Açailândia-Ma há 12 anos. Nesse bairro ele já transou com 159 mulheres, essas que fazem parte da lista de 1.667 mulheres com quem já revê relações sexuais. Todas as mulheres foram de alguma forma, gratificadas. O imitador do Rei Salomão, apesar de já ter morado com 16 mulheres, nunca foi casado com nenhuma delas, não tem filhos ou se tem, afirma não conhecer.

Exemplar de Jornal do ano 1975 destacando José Lima
“Eu me considero um privilegiado sem dúvida, pois para conseguir essa meta, precisa tempo simpatia, dinheiro, resistência física e idade. Eu sempre tive em mente que atingiria essa meta” disse ele.

Para conseguir o feito José Lima viajou ao longo de 12 anos acompanhando o circo (Máster Show) dos irmãos Portugal. Ele não fuma, não consome bebidas alcoólicas, nem utiliza qualquer tipo de entorpecente. Com 76 anos, afirma não possuir nem um tipo de doenças. Já trabalhou no exercito durante um ano e serviu a policia de Teresina durante dois anos, após isso pediu baixa. O mesmo possui 40 diários onde o mesmo escreve suas relações sexuais. Possui ainda um livro ‘Livro do Amor’ que o mesmo pretende futuramente publicar. 

Jornalista escreverá biografia de Manoel da Conceição


Livro contará a história de Manoel da Conceição
O jornalista, historiador e escritor imperatrizense, Adalberto Franklin, é autor de um livro que promete ser um grande sucesso no Maranhão e no Brasil assim que chegar às livrarias.
Trata-se da biografia do líder camponês maranhense Manoel da Conceição, um militante político e social histórico do Partido dos Trabalhadores e o terceiro petista a assinar a ficha de filiação do partido no ato da sua fundação, em 1980, em São Paulo.
Intitulado “Manoel da Conceição: sobrevivente do Brasil”, o livro também é um documento histórico, já que registra momentos importantes, bonitos, e em alguns casos dramáticos e tristes da vida política do Maranhão.
A obra ainda está em fase de elaboração, mas já conta com alguns capítulos já concluídos. O prefácio será assinado por dom Paulo Evaristo Arns, arcebispo emérito de São Paulo e um grande lutador das causas sociais e dos direitos humanos do Brasil.
Posse de Adalberto Franklin no Instituto Histórico e Geográfico do Maranhão
“O livro é interessante porque conta histórias que nunca foram contadas publicamente nem mesmo pelo próprio Manoel da Conceição, que topou contar tudo para o autor. Trata-se da biografia de um líder popular, carismático, que possui um senso de justiça impressionante. Trata-se da história de Manoel da Conceição”, orgulha-se autor.
Adalberto Franklin, que na última quinta, 22 de novembro, tomou posse na cadeira 16 do Instituto Histórico e Geográfico do Maranhão (IHGM), como membro efetivo (leia discurso de posse), concedeu gentilmente alguns trechos que o blog do Robert Lobato reproduzirá com exclusividade a partir de hoje. Veja:
(Trecho do capítulo I: A Chacina de Copaíba): Reunidos na pequena Copaíba dos Mesquitas, os lavradores discutiam uma forma de resistir ao assédio de Manacé Alves de Castro, filho de Raimundo Alves de Castro, fazendeiro e subdelegado do povoado Santa Luzia, a apenas seis quilômetros dali, no município de Bacabal. Manacé se dizia proprietário das terras de Copaíba e tentava forçar a retirada das famílias daquele e de outros povoados vizinhos.
Diante da resistência encontrada, começou a intimidá-las. Passou, então, a utilizar meios mais bruscos. Comprou algumas cabeças de gado e mandou soltá-las na área das roças dos lavradores. O prejuízo foi grande. As florescentes plantações de arroz, feijão, milho, macaxeira e verduras foram devoradas pelos animais. A subsistência das famílias ficou comprometida (…)
(…) Enquanto discutem, ouvem o barulho de um caminhão que se aproxima. Não era raro esses veículos trafegarem por aquelas paragens. Logo, o caminhão para na frente da casa. De assalto, uns vinte homens pulam da carroceria e muitos deles invadem a sala. São jagunços, pistoleiros, sob o comando de Manacé. De armas na mão — revólveres, espingardas e faca —, gritam alto, ameaçam e humilham a todos.
— Não corre ninguém, senão leva bala — gritou um deles.
Não houve reação. Nenhum lavrador está armado. Manoel da Conceição Santos, um jovem lavrador negro de 22 anos, nascido naquela mesma região, no povoado Pedra Grande, município de Coroatá, coordenador da Escola Dominical da Assembleia de Deus no povoado Santa Luzia, onde residia, era um deles.
FONTE: Blog do Robert Lobato

Prefeitos de Satubinha e Mirador são absolvidos pelo TJ


A 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), absolveu o prefeito de Satubinha, Antonio Rodrigues de Melo, conhecido como “mão de ouro”, denunciado pelo Ministério Público Estadual por suposta participação criminosa no desvio de verbas e fraude na prestação das contas públicas daquele município, em 2005.
Prefeito de Satubinha, Antonio Rodrigues de Melo
Prefeito de Satubinha, Antonio Rodrigues de Melo
O processo teve como relator o desembargador Raimundo Melo, que entendeu que não havia provas suficientes para condenar Rodrigues, pelo crime de desvio de recursos públicos.
“As provas (documental e testemunhal) produzidas no processo criminal não foram capazes de abalar a conclusão outrora encontrada, qual seja, a de absolvição do acusado”, ressaltou Melo, que em seu voto foi acompanhado pelos desembargadores Bayma Araújo e Cleonice Freire.
MIRADOR - A 1ª Câmara Criminal manteve também a absolvição do ex-prefeito de Mirador, Pedro Gomes Cabral, acusado pelo Ministério Público de ter cometido crime de falsidade ideológica.
Segundo o MP, em documento público entregue ao Tribunal de Contas do Estado, Cabral teria inserido declaração falsa informando que a cópia da prestação de contas do exercício financeiro de 2004 e 2005 estaria à disposição da Câmara de Vereadores do município, com o propósito de alterar a verdade sobre fato juridicamente importante.
A ação penal tramitou em Mirador, onde a juíza daquela comarca, Carolina de Sousa, absolveu o ex-prefeito por entender que ele não cometeu o crime a ele imputado. Insatisfeito com a decisão, o MP recorreu ao TJMA tentando reformar a sentença para condenar Cabral pelo crime de falsidade ideológica.
Em seu voto, o relator do processo, desembargador Raimundo Melo, afirmou que não há qualquer obrigatoriedade legal para o chefe do poder Executivo Municipal enviar cópia da prestação de contas à Câmara Municipal.
Melo ressaltou que se não existia a obrigatoriedade de enviar uma cópia da prestação de contas ao Legislativo Municipal não houve, do mesmo modo, a vontade de falsificar documento público com a finalidade de prejudicar direito, criar obrigação ou alterar a verdade. Os desembargadores Bayma Araújo e Cleonice Freire tiveram o mesmo entendimento do relator.
FONTE: Blog de Neto Ferreira

Morre o jornalista Joelmir Beting aos 75 anos em São Paulo



  • Jornalista Joelmir Beting morre em São Paulo aos 75 anos
    Jornalista Joelmir Beting morre em São Paulo aos 75 anos
Jornalista, comentarista de economia e política do Grupo Bandeirantes, Joelmir Beting morreu na madrugada desta quinta-feira (29) à 0h55, em São Paulo. Ele sofreu um acidente vascular encefálico hemorrágico no domingo, considerado "irreversível". A notícia foi confirmada pelo filho Mauro Beting no Twitter, que escreveu: "Um minuto de barulho por Joelmir Beting." A assessoria do hospital Albert Einstein, onde ele estava internado, também confirmou a morte. O corpo será velado na manhã de quinta-feira, a partir das 8h, no Cemitério do Morumbi, local próximo ao hospital Albert Einstein, na zona sul da capital paulista. Às 14h, a sala do cemitério será fechada para um ato religioso apenas com a presença dos familiares, e às 16h  o corpo será levado ao crematório do Cemitério Horto da Paz.
O jornalista de 75 anos estava internado desde 22 de outubro por causa de complicações renais, resultantes de uma doença autoimune. O quadro se agravou após o acidente vascular hemorrágico, que o deixou em coma e respirando com ajuda de aparelhos.
Em texto publicado no blog do diário Lance!, Mauro homenageou o pai, dizendo ter tomado conhecimento da notícia à 1h15. "A ausência dele não tem nome. Como jamais saberei escrever o que ele é", relatou o filho. Ele estava trabalhando na Rádio Bandeirantes quando recebeu a notícia e a veiculou ao vivo.
“Eu acho que eu aprendi com ele a ter prazer por trabalhar e trabalhar sempre”, falou Mauro. “Alguém tinha que dar essa notícia e eu achei que devia ser eu”. Mauro e Erich Beting, sobrinho do jornalista, agradeceu pelas mensagens de apoio no Twitter. 
Desde que retornou à Bandeirantes, em março de 2004, Joelmir participava diariamente do "Jornal da Band" e do "Primeiro Jornal". Foi âncora do "Canal Livre", apresentado aos domingos, e fez comentários diários no canal BandNews, além dos programas "Jornal Gente" e "Três Tempos", na Rádio Bandeirantes. Na TV, também trabalhou na Gazeta, Record e Globo --nesta última, de agosto de 1985 até julho de 2003--, passando pelo "Espaço Aberto", na Globo News.
Trajetória
Nascido em Tambaú, no interior de São Paulo, Joelmir iniciou a carreira jornalística como repórter esportivo nos jornais "O Esporte" e "Diário Popular". Trabalhou também na Rádio Panamericana, que anos depois se tornaria a Jovem Pan. Em 1962, já formado sociólogo, mudou de área, passando para o jornalismo econômico, inicialmente na redação de estudos de uma empresa de consultoria.

Em 1966, foi contratado pela "Folha de S. Paulo" para lançar a editoria de Automóveis. Dois anos depois, tornou-se editor de Economia do mesmo jornal, lançando uma coluna diária a partir de 1970.
A coluna tornou-se célebre por desmistificar a economia numa época de inflação astronômica e reiteradas medidas desastradas do governo. É de lá que nasceram alguns dos bordões de Joelmir.


quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Zeca Baleiro participa da gravação de dvd de Joãozinho Ribeirof

Ontem, 27,foi realizada, no Teatro Arthur Azevedo, a gravação do primeiro disco do cantor e compositor Joãozinho Ribeiro com o show que leva o nome de uma de suas canções “Milhões de Uns”. O show teve a participação de Zeca Baleiro que veio a São Luís especialmente para essa ocasião. Nesta iniciativa, Célia Maria é uma das convidadas de João, além dela, Rosa Reis, Lena Machado e Mila Camões compõem o time de vozes femininas. O Coral de São João e os cantores e compositores: Alê Muniz, Josias Sobrinho, Chico Saldanha e Cesar Teixeira também estão entre os artistas convidados. Hoje, 28, terá nova apresentação no Arthur Azevedo as 21h.Veja nas fotos de Carlos rasileiro. Marcela Simplício.
fonte: imrante.com

ACADEMIA BACABALENSE DE LETRAS ABRE INSCRIÇÕES PARA NOVAS CADEIRAS

Galeria de Membros
A  Academia Bacabalense de Letras, presidida pela escritora Liduina Tavares,  decide lançar Edital para ingresso naquela casa de cultura, a entidade pretende enviar carta-convite aos seus membros para que estes possam fazer convites direto à pessoas que lhe são conhecidas como poetas ou escritores.O Edital deverá ser divulgado à impressa dia 5 de dezembro, mas voce pode ficar sabendo aqui os principais critérios para ser um imortal da ABL. 
O principal critério é ser um artista da palavra, ou seja, poeta ou prosista, tem que ser Bacabalense ou morar há pelo menos sete anos no municipio, não é obrigatório ter curso superior, muito menos ter livros publicadoús, mas se o tiver certamente será fator decisório para sua eleição para a Academia.
As obras concorrentes,sejam publicadas ou não, deverão ter conteúdo e forma literária, serão avaliadas por uma Comissão que dará um parecer favorável ou contrário a entrada do escritor na entidade. Os escritores que receberem parecer favorável iram para uma eleição onde todos os membros da casa votarão ou não aprovando o ingresso do novo membro da casa.
Fique atento, se você de Bacabal não receber uma carta convite, leia o edital e organize seu material como o mesmo determina, faça sua inscrição na Sede de ABL localizada no prédio da Associação Comercial de Bacabal. Aguarde novas informações sobre o assunto em breve.

Flávio Dino sobre os ataques do grupo Sarney: “eles não aceitam que eu tenha recusado as tentativas de me comprar…”


Do blog do Ed Wilson
O presidente da Embratur e pré-candidato a governador do Maranhão, Flavio Dino (PCdoB), concedeu entrevista ao Blogue do Ed Wilson. Pregando a unidade das oposições em uma aliança ampla, Dino propõe um governo participativo voltado para superar os péssimos indicadores sociais. “Chega de ver o Maranhão como campeão de injustiça social”, protestou.
Ele considera a mudança no Maranhão uma tarefa das forças progressistas, democráticas e populares. Colocando-se à “margem esquerda do rio”, Flavio Dino defende um debate autêntico e respeitoso sobre o Maranhão e queixa-se dos ataques da mídia sarneísta.
“Eles não aceitam que eu tenha recusado, e continue a recusar, as tentativas de me comprar ou de me intimidar. Sei que minha coragem e dignidade os incomodam. Mas com a proteção de Deus e a força do nosso povo vamos vencer”, destacou.
VEJA ABAIXO A ENTREVISTA COMPLETA.
Blogue – Qual o significado da vitória de Edivaldo Holanda Junior (PTC) em São Luís?
Flavio Dino – Um novo caminho para a gestão pública em São Luís, que resultará em melhoria da qualidade de vida na nossa cidade. No plano político, a vitória de Edivaldo representa o fortalecimento do campo democrático e popular contra o poder dos coronéis.
Blogue – O sucesso ou fracasso da gestão de Edivaldo Holanda Junior vai impactar na sua candidatura ao governo. Quais as expectativas em relação ao novo prefeito?
Flavio Dino – As melhores possíveis. Ele fará uma administração inovadora, com muitos avanços. Ao fim dos 4 anos, ele será avaliado como um grande prefeito.
Blogue – Além da vitória na capital, como foi o desempenho do seu grupo político nos outros municípios do Maranhão?
Flavio Dino – Trabalhamos em aliança com vários partidos e obtivemos muitas vitórias políticas e eleitorais, enfrentando fraudes, violência e abuso do poder econômico. Estou satisfeito.
Blogue – Sua pré-candidatura já tem um esboço do programa de governo? Quais seriam as diretrizes para alavancar o desenvolvimento do Maranhão?
Flavio Dino – Vamos construir o programa de governo de modo participativo, como sempre fizemos. Naturalmente as diretrizes que apresentamos em 2010 permanecem válidas. Queremos um novo modelo de desenvolvimento para o Maranhão, voltado para superar os péssimos indicadores sociais. Chega de ver o Maranhão como campeão de injustiça social. Além disso, vamos eliminar o coronelismo e o patrimonialismo no comando do aparato público estadual.
Blogue – Você é candidato pelo partido comunista, mas talvez a solução para o Maranhão seja a abertura para o capitalismo produtivo como forma de quebrar o esquema patrimonialista. O que pode surgir dessa contradição?
Flavio Dino – Os investidores privados são importantes para gerar empregos e oportunidades de negócios para as empresas locais. Os empresários não serão mais extorquidos ou chantageados. Não quero ser sócio de ninguém. Quem cumprir as leis, respeitar os direitos humanos e preservar o meio ambiente será muito bem tratado.
Blogue – Há um sentimento de renovação no Maranhão, mas além do aspecto cronológico e dos significados do dicionário, o que sua candidatura representa de novo no cenário político?
Flavio Dino – Mudar o Maranhão de verdade não é tarefa para uma única pessoa. É preciso reunir forças progressistas, democráticas e populares em torno de um programa avançado, com mudanças claras. É isso que estamos fazendo, com coragem e serenidade.
Blogue – Como estão as articulações para a construção da frente de oposição à oligarquia Sarney? Quais partidos serão convidados?
Flavio Dino – Precisamos de uma aliança ampla. Todos que quiserem acabar com a pobreza, as injustiças, a negação de direitos ao povo, estão convidados.
Blogue – Cogita uma aliança com o PSDB?
Flavio Dino – Claro que sim.
Blogue – Qual será o tamanho do ex-governador José Reinaldo Tavares na frente de oposição?
Flavio Dino – O governador Zé Reinaldo é uma grande liderança, teve um papel decisivo para a vitória de Jackson Lago em 2006. Foi o terceiro senador mais votado em 2010. Sua presença foi e é muito importante. Zé Reinaldo e todas as lideranças do PSB, como o companheiro Roberto Rocha, serão muito importantes em 2014.
Blogue – Qual será a tendência predominante na coligação que você está liderando para disputar o governo do Maranhão em 2014: esquerda, centro ou centro-direita?
Flavio Dino – Fiz uma opção de vida clara, desde 1983. Sempre estive na margem esquerda do rio. Quanto à nossa coligação, repito: todos que quiserem acabar com a pobreza, as injustiças, a negação de direitos ao povo, estão convidados.
Blogue – Você é criticado pelas aproximações com figuras públicas como o ex-prefeito de Caxias, Humberto Coutinho, a quem denominou de “co-piloto” na sua candidatura ao governo em 2010. Coutinho estará no palanque de 2014?
Flavio Dino – Espero que sim. Humberto fez dois governos muito bem avaliados em Caxias. Por exemplo, construiu 6.500 casas e dezenas de escolas. Além disso, teve muita determinação em 2010. Ele se manteve firme, quando eu não tinha nem 10% nas pesquisas.
Blogue – Você espera obter o apoio de Lula, Dilma e do PT do Maranhão?
Flavio Dino – Ficarei muito honrado com esses apoios. Espero que aconteçam. Tenho certeza de que esse é o desejo da imensa maioria dos petistas, em todo o país e no Maranhão. Lembro que vencemos a convenção estadual do PT em 2010. E, por decisão da presidenta Dilma, faço parte do seu governo.
Blogue – A deputada estadual Eliziane Gama (PPS) pretende liderar uma terceira via, colocada como alternativa aos grupos liderados por você e pelo senador José Sarney (PMDB). Como analisa esse movimento?
Flavio Dino – Eliziane é uma amiga muito querida, admiro seu mandato parlamentar. Desejo que ela esteja conosco em 2014. Mas se outra for a opção dela, respeito democraticamente.
Blogue – Qual será o melhor adversário na eleição para o governo em 2014: o ministro das Minas e Energia Edison Lobão ou o chefe da Casa Civil Luís Fernando Silva?
Flavio Dino – Esse é um assunto interno da oligarquia Sarney. Creio que nesse momento em que há uma disputa no grupo deles, devemos aguardar respeitosamente.
Blogue – Qual o maior desafio para mudar o Maranhão?
Flavio Dino – Enfrentar as baixarias de quem não quer um debate político autêntico e respeitoso. Todos os dias a máquina de propaganda da oligarquia Sarney mente e me agride. Eles não aceitam que eu tenha recusado, e continue a recusar, as tentativas de me comprar ou de me intimidar. Sei que minha coragem e dignidade os incomodam. Mas com a proteção de Deus e a força do nosso povo vamos vencer.
Blogue – Você pretende solicitar observadores nacionais para acompanhar o processo eleitoral de 2014?
Flavio Dino – Nunca pensei nisso. Vamos analisar no tempo próprio.
Blogue – Na condição de executivo do turismo (presidente da Embratur), como você avalia as súbitas mudanças sobre poluição e despoluição nas praias de São Luís?
Flavio Dino – Falta transparência nesse e em outros temas administrativos. Isso é um grave erro. Sem um sistema respeitado de mensuração da qualidade das praias, não se consegue convencer ninguém e ainda se expõe a saúde da população a riscos. Espero que o governo do estado mude a sua conduta.

Prefeito de Peritoró é condenado por improbidade administrativa


O prefeito de Peritoró, Agamenon Lima Milhomem, foi condenado pela 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão, com maioria de votos, por não prestar contas referentes ao exercício financeiro de 2009 dentro do prazo determinado por lei.
Prefeito de Peritoró.
Prefeito de Peritoró.
Milhomem deverá cumprir pena de 3 meses de detenção em regime aberto, convertida em prestação de serviços à comunidade.
Para o desembargador Joaquim Figueiredo, relator do processo, a questão não pode ser tratada como mero descaso administrativo ou irregularidade. “Até pela má administração dessas contas, somadas ao atraso em sua prestação, já vejo a tentativa do réu em se furtar da obrigação de prestar as contas anuais do município”, frisou o desembargador.
Segundo o relator, é inviável aceitar a conclusão de que o cumprimento da ordem legal em qualquer momento retira o dolo da conduta omissiva.
Em sua defesa, o prefeito alegou que está adimplente com seu dever constitucional, afirmando que não cumpriu com suas obrigações no prazo legal, mas o fez com atraso em 14 de abril de 2010, antes do oferecimento da denúncia, o que justificaria a ausência de dolo (intenção de cometer o crime). A denúncia foi recebida pela 3ª Câmara Criminal em 9 de maio de 2011.
Em interrogatório, Milhomem informou que no último dia para entrega da prestação de contas – 5 de abril de 2010 – compareceu à sede do Tribunal de Contas do Estado (TCE) com os documentos necessários, mas que não foram recebidos por ter sido constatada ausência de assinaturas e carimbos.
fonte: blog do Neto Ferreira

terça-feira, 27 de novembro de 2012

FÓRUM MUNDIAL DE UFOLOGIA RECEBE 18 NOVOS MEMBROS EM SEU PROGRAMA, DO BRASIL E DE OUTROS 5 PAÍSES


Os preparativos para o maior evento de Ufologia do Brasil e da América Latina nos últimos tempos estão intensos. Na semana passada e nesta, nada menos do que 18 novos conferencistas e expositores foram agregados à agenda do IV Fórum Mundial de Ufologia, vindos de vários países. O evento ocorrerá em Foz do Iguaçu, entre 06 e 09 de dezembro. Com a programação completamente lotada, o Fórum promete ser um grande sucesso. “Vamos reunir ufólogos mundialmente reconhecidos em Foz para dar uma mensagem poderosa à sociedade, a de que efetivamente não estamos sós e precisamos conhecer quem são estas inteligências que nos visitam”, declarou A. J. Gevaerd, coordenador do Fórum.

O evento terá 37 palestras, sendo as anteriormente confirmadas em número de 23 mais as de 14 novos expositores de vários países. As conferências originalmente programadas terão entre 40 e 50 minutos, à exceção da do mexicano Jaime Maussán, que terá 90 minutos. “Trago informações bombásticas provenientes de todo o mundo para mostrar que estamos de fato próximos de uma aceitação global da realidade ufológica, e que devemos estar preparados”, declarou Maussán, o mais ilustre ufólogo de seu país e um dos mais conhecidos do mundo.

Entre todos os expositores do IV Fórum Mundial de Ufologia há grande euforia. Conferencistas e congressistas esperam realizar algo histórico em Foz do Iguaçu. “Queremos estar presentes neste grande evento e mostrar à plateia pelo menos uma informação relevante do que se passa na Ufologia de meu país”, disse um dos novos expositores, o correspondente internacional da Revista UFO na Hungria Gabor Tárcali. Como ele, que vem espontaneamente de seu país, o Fórum receberá estudiosos renomados do Fenômeno UFO de várias regiões do Brasil e do globo.



Veja a seguir quem são os novos membros do evento (em ordem alfabética):
 
  • Ataíde Ferreira (piscólogo e consultor da Revista UFO em Cuiabá)
  • Carlos Odone (do Movimento Gaúcho de Ufologia e consultor da Revista UFO em Porto Alegre)
  • Eduardo Grosso (ufólogo argentino especialista em abduções em dormitórios)
  • Elias Kolev (da entidade CEFORA Argentina, que auxilia a Aeronáutica do país)
  • Eloir Fuchs (oficial do Exército e consultor da Revista UFO em Uruguaiana)
  • Gábor Tarcali (correspondente internacional da Revista UFO na Hungria)
  • Gilda Moura (psicóloga, autora e consultora da Revista UFO no Rio)
  • Guillermo Aldunatti (radialista e pioneiro da Ufologia Argentina)
  • João Matos (médico e consultor da Revista UFO em Portugal)
  • John Rao (dono da revista Open Minds, dos Estados Unidos)
  • Capitão Julio Guerra (piloto e militar conhecidíssimo em Portugal por sua experiência com UFOs no ar)
  • Liliana Flotta Grosso (ufóloga argentina especialista em visitas de dormitório)
  • Luis Reinoso (advogado e consultor da Revista UFO na Argentina)
  • Marcos Malvezzi Leal (autor e consultor da Revista UFO em São Paulo)
  • Margarete Áquila (cantora nacionalmente reconhecida)
  • General Paulo Yogui Uchôa (filho do saudoso general Alfredo Moacyr Uchôa)
  • Silvia Simondini (pesquisadora pioneira da Ufologia Argentina)
  • Yohanan Díaz Vargas (jornalista e consultor da Revista UFO no México)

Com a capacidade do auditório praticamente tomada, as inscrições se encerram nos próximos dias

A Comunidade Ufológica Brasileira se mostrou tão receptiva ao formato e à grandeza do Fórum que quase 400 ingressos foram vendidos em menos de dois meses. Considerando um evento ocorrendo em Foz do Iguaçu, tão fora do eixo Rio-São Paulo, especialistas em turismo da cidade consideram o Fórum um grande sucesso. “É uma honra para Foz sediar em congresso desta natureza, com pessoas que lidam de forma tão séria com o Fenômeno UFO vindas de várias partes do mundo”, declarou o engenheiro Nadir Souza, morador da cidade e participante do IV Fórum Mundial de Ufologia.

Infelizmente, a capacidade do auditório alocado para o evento Hotel Golden Tulip Internacional Foz é de apenas 450 lugares, e assim restam apenas pouco mais de 50 vagas para os interessados – que, no ritmo demonstrado até agora, devem acabar em uma semana. Com isso, quase três semanas de sua realização, o evento se consagra em um sucesso indiscutível. “Vamos fazer um novo momento da história da Ufologia Brasileira e Mundial”, declarou o coeditor da Revista UFO Marco Antonio Petit.

As últimas vagas estão disponíveis

Os interessados em preencher as últimas vagas devem se apressar em visitar o site oficial do evento, no endereço abaixo, e realizar sua inscrição com urgência. Também foi aberta mais uma seção de Vigília Ufoastronômica Internacional, a ocorrer no Polo Tecnológico de Itaipu (PTI), onde há um grande observatório astronomico. A alocação anterior de apenas uma noite para a atividade não conteve o interesse dos participantes do Fórum. Com apenas 120 vagas, a vigília original de sexta-feira, dia 07, se esgotou rapidamente. Agora, aberta também com 120 vagas, a nova vigília de sábado, dia 08, já tem 75% de sua capacidade ocupada.

Mais informações e inscrições em: www.ufoz.com.br

Confira a programação da 6ª Feira do Livro para esta terça-feira

Confira a programação completa do quinto dia da Feira do Livro de São Luís. A sexta edição do evento segue até o dia 2 de dezembro no Ceprama, no Centro de São Luís.

Programação de terça-feira (27):

Auditório Quartocentenário

15h às 15h30 - Memória de Leitura de Pessoas Idosas/ Bate papo com a escritora -Silvana Vetter
15h30 às 17h - Mediação de Leitura - Rede Ler Pra valer
17h às 18h - Mesa Redonda: O livro na Sociedade Digital - Cássia Furtado/ João Batista Bottentuit (Ufma)
20h30 às 21h30 – Bate-papo com o escritor convidado Afonso Romano de Sant’Anna

Café Literário

15h às 16h – Palestra: A Dinâmica Populacional de Maruins - Prof. Gaudino Marcos 
16h às 17h - Mesa Redonda Livro Leitura e Biblioteca - Semed/ Fórum Permanente Livro Leitura e Biblioteca, Biblioteca Benedito Leite
17h às 18h - Mesa Redonda Livro Leitura e Biblioteca - Semed / Fórum Permanente Livro Leitura e Biblioteca, Biblioteca Benedito Leite
18h30 às 19h30 - Roda de Conversa: O Reggae como projeto educacional - Fabio Araújo/ Cláudio Adão (Gdam)/ Zé Lopes
20h às 21h – Palestra: A Natureza tem Preço? - Prof. Roberto Santos Ramos 

Casa do Escritor
15h30 às 16h30 – Mesa Redonda: Possibilidades de Atendimento aos Alunos com Dificuldades na Leitura e na Escrita: A Experiência com o Grupo de Apoio Didático da Semed - São Luís - Mediador: Profª Luziane Rodrigues Araujo Sales/ Expositoras: Profª. Terezinha de Jesus Alves Chaves (UEB Nascimento de Moraes)/ Profª. Ingrid Silva (UEB José Cupertino)/ Profª. Maria do Socorro Gonçalves Costa.(UEB Alberico Silva –CIEP)
17h às 18h - Crônicas de 400 Anos - Antonio Augusto Ribeiro Brandão 
18h30 às 19h30 – Mesa redonda: Missa, Culto e Tambor - Os Espaços das Religiões no Brasil - Gamaliel da Silva Carrero / Sérgio Ferretti/ Lindon Sousa
20:00 ás 21:00 – Palestra: Ler = Muito Prazer - Profª Especialista Maria da Glória Mendonça Cunha

Espaço Infantil (Semed)
14h - Contação de história
Recepção com grupo de animação
Pintura artística
Oficinas de: Ilustração, Conto, Poesia e Tangran

Espaço Sesc (Programação adulto e infantil)
15h – Espetáculo Teatral “De volta à São Luís” – UEB Maria Rocha
16h – Hora do conto: Contação de histórias – Grupo Tapete Criações
17h20 – Espetáculo Teatral Infantil “Um ilha de encantos” – Grupo Grita
18h40 – Espetáculo Teatral Adulto “Eles e Nós” – Tapete Criações Cênicas
19h50 – Performance Poética – César Boaes

Teatro da Cidade de São Luís (Rua do Egito, Centro)
7ª Mostra Cinema e Direitos Humanos
13h
Virou o Jogo: A História de Pintadas (Marcelo Villanova - Brasil, 15 min., 2012, doc.)
Chocó (Jhonny Hendrix Hinestroza - Colômbia, 80 min., 2012, fic.)
15h
O Garoto que Mente (Marité Ugás – Venezuela, 99 min., 2011, fic.)
17h
Menino do Cinco (Marcelo Matos de Oliveira, Wallace Nogueira - Brasil, 20 min., 2012, fic.)
Silêncio das Inocentes (Ique Gazzola - Brasil, 52 min., 2010, doc.)
19h
Silêncio das Inocentes (Ique Gazzola (Brasil, 52 min., 2010, doc.) 

6ª Feira do Livro

A Feira do Livro de São Luís segue com atividades até o dia 02 de dezembro, funcionando no horário das 13h às 21h, no Complexo Ceprama. Este ano, com tema “São Luís, 400 anos escrevendo nos livros a sua história”, traz também como escritores convidados: Ana Maria Brasil (28/11), Alexandre Azevedo (29/11), Francisco Seabra (30/11) e Ricardo Chacal (01/12).
FONTE: O IMPARCIAL