Diário do Mearim Cidadania

Diário do Mearim Cidadania

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

PMDB nacional cancela visita de apoio a Roseana Sarney

http://blog.jornalpequeno.com.br/raimundogarrone/files/2014/01/roseana-o-globo-1.jpg


A cúpula do PMDB cancela, novamente, visita ao Maranhão. A instabilidade do partido no estado – com o desgaste da governadora e de um pré-candidato que não decola nas pesquisas – fez com que caciques nacionais do PMDB desistissem de prestar apoio ao partido da família Sarney no Maranhão.

A informação da vinda do presidente nacional do partido, Valdir Raupp (PMDB), e de senadores foi dada com entusiasmo pela imprensa ligada ao grupo Sarney no Maranhão. O deputado Chiquinho Escórcio (PMDB) chegou a desembarcar em São Luís para cuidar da agenda dos peemedebistas, mas a visita foi cancelada.

A avaliação do PMDB nacional é de que o partido não pode se expor de forma tão forte neste momento em que o Maranhão passa uma grave crise, fruto de 14 anos de governo de Roseana Sarney (atual governadora) e de quase 50 anos de poder de José Sarney no estado.

Além do mais, o PMDB avalia que não está com essa bola toda no estado e que a vinda dos caciques ao Maranhão poderia jogar ainda mais lenha na fogueira na crise de imagem que o governo Roseana Sarney tem passado. A decisão foi irredutível, mesmo após os apelos de José Sarney que tenta, de dentro do Palácio dos Leões, contornar a crise gerada pelo governo da filha.

Sem um nome de força para disputar as eleições de outubro e com a confirmação de que o nome indicado por Roseana Sarney (PMDB) para sua sucessão não tem o perfil adequado para o pleito, os caciques do PMDB não virão ao Maranhão com um cenário negativo para o partido.

PMDB indeciso sobre Luís Fernando





Este é apenas mais um dos vários cancelamentos de agenda que o PMDB faz no Maranhão. Estava marcado para meados de dezembro o lançamento da pré-candidatura de Luís Fernando Silva (PMDB) ao governo do estado.

Após análises das pesquisas encomendadas semanalmente pelo Palácio dos Leões para aferir o desempenho de Luís Fernando diante do eleitorado, o evento foi cancelado.

Também se recusaram a vir ao Maranhão os ministros Edson Lobão e Gastão Vieira. Nenhum dos dois quis comprometer-se com a pré-candidatura de Luís Fernando, que ainda não é consenso local e nem no PMDB nacional.

Pelos bastidores, Lobão ainda trabalha para limar a candidatura de Luís Fernando. Joga com o nome de Edson Lobão Filho, o Edinho. Na outra ponta, aparece João Alberto na tentativa de viabilizar-se como candidato do partido.

Até solucionar esse impasse, nada de apoio nacional…

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário