Imprensa Bacabalense articula reunião para organizar a classe

Encontro de Jornalistas e Radialista é quarta-feira (20) as 19h no Wanguad

Profissionais da comunicação resgatam Associação de Imprensa de Bacabal

Pesquisa, formação e credenciamento são planos da entidade

Flávio Dino entrega ambulancia para reforçar saúde em Bacabal

Simplício Araújo articulou ambulância para Bacabal

Bacabal recebe Caravana "Diálogos pelo Maranhão"

Encontro reune lideranças políticas e do movimento popular

Diário do Mearim Cidadania

Diário do Mearim Cidadania

terça-feira, 19 de março de 2019

Bacabal lamenta morte de Zé Vieira


     Morre nesta terça-feira (19) a maior liderança política do município de Bacabal, José Vieira Lins, mas conhecido por Zé Veira. A cidade de Bacabal lamenta o ocorrido e expressa sentimentos de dor pela perda daquele que entra para história como gestor que mudou Bacabal para melhor. Centenas de pessoas ao saberem da morte do velhinho, colocaram em seus status e perfil de redes sociais alguma imagem de Zé Vieira.

     Natural de Souza na Paraíba, Zé Vieira tornou-se o mais maranhenses de todos os paraibanos, foi pecuarista e empresário, começou a carreira política em 1992 ao ser eleito vereador de Bacabal pelo PTB.
     Em 1996, concorreu à prefeito de Bacabal pelo PPB e foi eleito. Tendo sido reeleito em 2000.

     Concorreu a deputado federal em 2006 pela PSDB, chegando  a primeira suplência e efetivou-se no cargo -se-se em maio de 2008. Foi reeleito em 2010.
     Candidatou-se a prefeito de Bacabal em 2008, sendo derrotado por Raimundo Lisboa. Concorreu a prefeito novamente em 2016 e foi eleito junto com o vice Florêncio Neto.
      Em junho de 2018 teve o mandato cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral e desde então ele passou a morar em São Luís e se dedicar exclusivamente a cuidar da saúde já fragilizada.
    Aos 84 anos Zé Veira ainda era a grande liderança politica de Bacabal, morre deixando um legado de ordem e respeito na história de Bacabal. O Corpo do ex-prefeito , chegará em Bacabal na quinta-feira (21) por volta das 08h da manhã. fará   u,a breve parada na Porta da Prefeitura e sera velado no templo central da Assembleia de Deus e seu  sepultamento será na cidade de Sousa, na Paraíba. 

quinta-feira, 14 de março de 2019

Simplício Araújo propoe criação de Conselho para Controle Social dos Royalties

      
O Deputado Federal Simplício Araújo (SOLIDARIEDADE), propôs  através  de Projeto de Lei, a criação de Conselhos nas esferas federais, estaduais e municipais, para fiscalização do recebimento, aplicação e prestação de contas dos recursos oriundos de receitas de royalties provenientes  de gás, petróleo e  mineração.
O objetivo do Projeto de lei é dar total transparência aos recursos naturais que pertencem  à nação brasileira, portanto, é do  interesse de toda  sociedade.
Segundo Simplício Araújo, constantemente se registra  movimentação de pagamentos referentes ao uso de reservas de gás, petróleo e minérios em diversos estados da federação, inclusive em alguns municípios do Maranhão, em alguns casos, antecipados ou utilizados como contrapartidas sociais ou até compensações, sem que a sociedade saiba ou participe das decisões sobre a utilização  e execução financeira ou opine sobre como deve ser e para que deve ser utilizados os recursos.

O QUE É MESMO ROYALTIES?

Na antiguidade, eles eram pagos aos nobres em troca de utilizar recursos naturais que estivessem em suas terras.
No Brasil, começaram a valer com a lei de direitos autorais, que entrou na CF em 1946.Portanto, sabemos que royalty é um valor pago a alguém para usufruir de algo que lhe pertence. Mas é importante saber também que existem vários tipos de royalties.
Royalties relativos à extração de recursos naturais minerais: o governo brasileiro recebe, por exemplo, das empresas que exploram petróleo, como a Petrobrás.
Royalties relativos à extração de recursos naturais: é o que se paga pelo uso de recursos naturais, por exemplo, quando uma usina represa água para transformar em energia elétrica, ela também precisa pagar ao governo.
Royalties para patentes: estão em conformidade com a Organização Mundial do Comércio. 
As marcas pagam ao proprietário de um bem. Por exemplo: para utilizar uma música em um filme, é preciso pagar ao artista responsável ou à empresa que detém o direito de reprodução.

PROJETO DE LEI

Com o projeto, passariam a ter Conselho para fiscalização dos royalties o governo federal, como também os estados e os municípios que tem receita provenientes de royalties de gás, petróleo ou minério. Os Conselhos teriam participação dos órgãos públicos em paridade com a sociedade civil organizada e com a presença de um membro das entidades empresariais representantes das empresas ou consórcios exploradores.
O Deputado Também Solicitou ao Ministro de Minas e energia, o relatório detalhando sobre todos os recursos recebidos nos últimos dez anos com os devidos valores e a atual situação de uso destes recursos. "A nossa intenção é levar transparência ao uso, monitoramento e prestação de contas destes importantes recursos, o povo brasileiro precisa ser beneficiado pelas obras e serviços que tem origem no dinheiro dos royalties das nossas riquezas naturais, as também precisa acompanhar, opinar e cobrar eficiência, portanto somente através de um Conselho com participação da sociedade civil organizada podemos garantir esse direito ao povo brasileiro", afirma Simplício Araújo.


sábado, 9 de março de 2019

O DIABO VENCEU, SIM”: TEÓLOGO DÁ RAZÃO A GAVIÕES DA FIEL, CUJO DESFILE ESCANDALIZOU EVANGÉLICOS


       
 O teólogo Tiago Santos, que estudou no Seminário Teológico Batista do Rio Grande do Sul e é fundador da igreja Abrigo, em Porto Alegre, publicou um texto que está tendo muita repercussão, sobretudo entre os evangélicos. Ele foi pastor batista por oito anos. E fez bacharelado e mestrado em instituições luterana e católica.

         Tiago escreveu sobre o enredo da escola de samba Gaviões da Fiel, que levou à avenida a mensagem “O Diabo Venceu”.

         Evangélicos se escandalizaram, e por isso o teólogo decidiu explicar por que o carnavalesco da Gaviões deu uma demonstração de que entende mais de Cristianismo do que aqueles que seguem Silas Malafaia e similares. 

Leia o texto:

Sobre a polêmica do carnaval quero registrar aqui que o diabo venceu, sim!

Quando a igreja fez arminha com a mão, o diabo venceu.

Quando os pastores e missionários, mesmo atuando nas comunidades mais pobres e obtendo o seu sustento do salário dos trabalhadores, apoiam a retirada de direitos destes para favorecerem os mais ricos, o diabo venceu.

Quando a igreja fez arminha com a mão, o diabo venceu.

Quando os pastores e missionários, mesmo atuando nas comunidades mais pobres e obtendo o seu sustento do salário dos trabalhadores, apoiam a retirada de direitos destes para favorecerem os mais ricos, o diabo venceu.



Quando a igreja ri de uma criança que morre, o diabo venceu.

Quando a igreja comemora que uma líder social é assassinada a tiros numa emboscada, o diabo venceu.



Quando a igreja zomba de um líder político que precisa deixar o país sob ameaça de morte, o diabo venceu.

Quando a igreja vive uma expectativa que entremos em guerra com outro país para atender interesses geopolíticos de superpotências, o diabo venceu.



Quando a igreja se torna o principal grupo social do país a espalhar mentiras na internet, o diabo venceu.

Quando a maior preocupação da igreja, em um país extremamente desigual, é que meninos vistam azul e meninas rosa, o diabo venceu.



Quando a igreja fica em angustiante silêncio frente ao racismo, a xenofobia, ao feminicídio, a homofobia, o diabo venceu.

Quando a igreja considera armar toda a população como forma de buscarmos a paz, o diabo venceu.


Quando a igreja considera justo que fazendeiros que já tanto têm esmaguem os povos indígenas para lhes tomar o pouco que resta, o diabo venceu.

Diário do Mearia via uoi e Diário do Centro do Mundo

Dança das Cadeiras na imprensa leva Osmar Noleto para TV Bacabal

   
É comum apos o período eleitoral haverem algumas mudanças nas telinhas dos canais locais, apresentadores que "vestiam a camisa" são convidados a se retirarem do ar por terem transformado a camisa do seu tipo numa "Camisa de força", sobra para os apresentadores , que acabam por experimentar a força de quem usa uma "Camisa de Vênus". Figuras de linguagem  à parte, o fato é que as mudanças de apresentadores na TV local acabam mal compreendidas pelo publico.
   Acostumados aos duelos de titãs da comunicação  Bacabalense, esses apresentadores terminam por assumirem a identidade visual dos programas que apresentam e seus conteúdos nem sempre éticos.
   Percebe-se que por trás da saída de um apresentador e entrada de outro no horário ha negociatas de caráter político, ideológico e até pessoal.A saída do Apresentador Israel Braga da TV MEARIM mexeu com imaginário dos bacabalenses, até as crianças sentem falta, mas  a razão tem razoes que a própria razão desconhece.
   De repente quem batia de um lado, passa a ser defensor de outro, e o publico em sua maioria sem compreender as mudanças afirmam que a imprensa colabora com o sistema de manipulação da realidade.
   Lembra aquela brincadeira das cadeiras quando alguém para a música e todos devem sentam, mas não há cadeiras para todos, um fica de fora, e nessa troca de bancada é que Randeson Laercio volta a TV Mearim criando expectativa nos seus seguidores. A TV Difusora tira do ar Ray Lima e seu Pigando Fogo, mas o mantem no quadro de repórteres da casa, dizem que o programa de Ray respigava fogo em quem não devia, e quando não se tem o extintor da moral, apaga-se o fogo com a velha água do mearim.
   A versátil TV Bacabal dá uma rasteira na TV Ágape ao cooptar para seus quadros o experiente jornalista Osmar Noleto, que acaba sendo por sinal, o mais atualizado de todos, a energia pode não ser a mesma da rádio Jainara, mas a criatividade e o uso das mídias convergentes são das melhores.
   Osmar Noleto deve estriar na TV Bacabal dia 18 com um programa inovador, cheio de quadros novos, foi com certeza uma boa aquisição para aquela casa, resta agora esperar novas eleições para saber que música vai tocar a nova brincadeira da dança das cadeiras, aos jornalista só resta lembrar:Os fatos mudam, os princípios não.

Diocese de Bacabal realiza abertura da Campanha da Fraternidade 2019

   
Em Coletiva de Imprensa realizada dia 7 na curia diocesana,  a Igreja Católica de Bacabal esclareceu à imprensa sobre o ato de lançamento da Campanha da Fraternidade 2019 na diocese. O evento ocorrerá nesta sábado(9) a partir das 18h  na area da Catedral de Santa Terezinha.O ato  de lançamento da Campanha será atraves de uma Missa presidida por Dom Armando Bispo de Bacabal.
   A Campanha da Fraternidade – CF 2019, traz à tona as políticas públicas à luz da Palavra de Deus e da Doutrina Social da Igreja para fortalecer a cidadania, o bem comum e promover sinais concretos de fraternidade. 
   O lema  da Campanha é “Serás libertado pelo direito e pela justiça (Is 1,27)”.    A Igreja convida não só os católicos, mas todos os bacabalenses, para uma discussão madura sobre a relevância das políticas públicas na conjuntura atual da cidade e os impactos na vida das pessoas. 
  Entender o que são políticas publicas, conhecer seus processos à luz da doutrina da Igreja para compreender a própria CF como instrumento promotor de justiça social e bem comum, é uma das metas da Campanha, porém, para a Igreja  em Bacabal é mais importante , praticar efetivamente a caridade; pistas são reveladas para a prática da fé, traduzida em obras, do seio da Igreja para o seio social.
   Durante toda campanha serão realizados alguns atos tais como audiência com autoridades, cursos sobre a doutrina social da igreja e debates com a participação direta das comunidades de bases, dessa forma segundo a equipes de trabalhadores da campanha, é de suma importância a participação dos leigos como multiplicadores desses conhecimentos em suas comunidades.
Diário do Mearim com adaptações de informações coletadas na coletiva de imprensa

terça-feira, 5 de março de 2019

Associação de Imprensa de Bacabal convoca profissionais a se unirem

     

A recém reativada AIB - A Associação de Imprensa de Bacabal  - expediu edital de convocação a  todos profissionais da área a se filiarem a entidade da classe.
     Para se associarem, basta preencher a ficha de filiação que está sendo entregue nos órgão de comunicação social da cidade, entregá-la devidamente preenchida acompanhada de foto 3X4 e xerox dos documentos pessoais.
      Os profissionais da Imprensa têm até o dia 20 de março de 2019 para  realizar junto à comissão provisória seus recadastramento ou um anova filiação,  "as copias dos documentos podem ser entregues  aos membros da Comissão Provisórias ou na Central de Entidades de Bacabal localizada à rua Gonçalves dias, 484, centro, próximo à AABB" - confirma José Casanova , Presidente da Comissão Provisória  Administrativa.
     A AIB já conta nos seus quadros com mais de 40 associados, mas estima-se que o numero de associados ultrapassará a marca de 100 associados.

Carnaval das Entidades é um Sucesso

         
 A Central de entidades de Bacabal promoveu  em parceria com amigos, o esperado Baile das comunidades , o evento marcou a Segundona de Carnaval na Associação Cultural Só Areia, o evento começou às 15h e contou com a presença de mais de 500 pessoas entre  autoridades, lideranças comunitárias e  amigos da Central.
          A CEB tem como Presidente Dona Terezinha, tradicional liderança comunitária de nossa cidade, a Central de Entidades de Bacabal mesmo sem subsidio oficial, vem a cada dia ganhando a adesão de lideranças da zona rural e urbana,insatisfeitos com o rumo que a cidade de Bacabal vem  tomando, as associações comunitárias querem garantir sua independência política e econômica através de projetos.
          Durante o Baile das Entidades foi realizado uma fica  com sorteio de duas caixas de cervejas, os ganhadores foi seu "Capoeira" e  professora Edna.
          O baile ocorreu em clima de paz e alegria, com muitas músicas atuais e das tradicionais Marcinhas marca registrada de qualquer bom carnaval.Dr. Jairomar um dos amigos da CEB e patrocinador do evento, não esteve presente, mas mandou um grupo de amigos formado pelo Poeta Paulo Campos, Tigela e pelo Jornalista Zezinho Casanova para representá-lo no baile das comunidades.

domingo, 24 de fevereiro de 2019

Rodrigo Lago assume Secretaria de Comunicação Social


O novo titular da Secretaria de Comunicação Social e Assuntos Políticos (Secap) do Maranhão, Rodrigo Lago, encara a missão como um grande desafio e uma forma de continuar garantindo a transparência no Estado.

Durante quatro anos, Lago ocupou a Secretaria de Transparência e Controle (STC), onde implantou instrumentos para garantir o pleno acesso da população à informação pública. Agora, ele vai comandar a Secap.

“A comunicação também é uma forma de transparência da gestão pública. É uma forma da sociedade saber o que o governo está fazendo”, disse o secretário em entrevista à Rádio Nova 1290 Timbira.

“Encaro a comunicação como ferramenta de diálogo com a sociedade”, acrescentou. “Pretendo manter essa trajetória ascendente da comunicação no Estado, que já vinha sendo feito pelo meu antecessor, o agora deputado federal Márcio Jerry”.

Transparência

Quando assumiu a Secretaria de Transparência, no início de 2015, Rodrigo Lago encontrou uma série de problemas. “Havia filtros que impediam a visualização de 60% dos gastos públicos. Isso prejudicava o controle social”, lembrou na entrevista à Timbira.

Lago implementou uma série de mecanismos e reformulações, o que levou o Maranhão a um padrão de excelência na divulgação e na transparência de informações públicas.

“Acredito ter cumprido a missão que me foi dada pelo governador Flávio Dino”, disse.
Com informações do Jornal Atos e Fatos

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019

Profissionais da comunicação resgatam Associação de Imprensa de Bacabal

   
Grande número de Jornalistas, Radialistas e Blogueiros reuniram na noite desta quarta-feira (20) nas dependências do Club Wanguard par uma reunião onde discutiram a realidade de que faz comunicação em Bacabal. Articulada por Osmar Noleto, Salomão Duarte e Zezinho Casanova, a reunião teve caráter deliberativo com ares de Assembléia Geral onde a principal decisão foi a reativação da AIB Associação de Imprensa de Bacabal.

    Fundada aos 12 dias do mês de março de 1995, a associação estava desativada até hoje, mas tem uma história, por isso foi decidido manter o nome da instituição já que a mesma tem estatuto registrado e publicado no diário oficial.
     O radialista Paulo Campos, primeiro presidente da casa, falou como foi o processo de criação da mesma e apresentou sócios fundadores que estavam presentes  no momento.
   
 Para resolver as pendencias jurídicas foi eleita uma comissão  provisória administrava que tem até 45 dias para atualizar a documentação , tais como um novo estatuto de acordo com o novo código civil, cadastrar os profissionais da imprensa  e organizar o mais rápido possível eleição da diretoria executiva.
    A comissão provisória ficou assim constituída: Zezinho Casanova (Presidente), Salomão Duarte (1º Secretário), Naira ( 2º Secretário), Osmar Noleto,Ray Lima, Sargento Brito, Beatriz, Adna e Lenildo Frazão. O estudante de direito João Carlos participará com assessoria jurídica.
Aos trabalhadores da imprensa que não compareceram à reunião será dado um prazo para que os mesmos possam se filiar à entidade e assim terem direito ao voto na próxima eleição.

 CENTENÁRIO DE BACABAL

O Jornalista Osmar Noleto fez uma breve explanação sobra o Papel de Imprensa no Centenário de Bacabal, o mesmo coordenará projeto da AIB onde propõe a criação do Monumento do Centenário, uma homenagem da imprensa local à todos que contribuíram com a história do Município. A Associação de Imprensa de Bacabal em parceria com a Academia Bacabalense de Letras farão uma pesquisa para apontar os homenageados.
No Projeto também está previsto a realização de Festivais de Músicas, Poesias, exposições e outras atividades que a associação buscará parceiros para realizar.

Documentos provam existência da AIB


Central de Entidades de Bacabal realiza Carnaval das Comunidades

     
 A CEB - Central de Entidades de Bacabal - realiza dia 4 de março (segunda-feira) a partir das 14h o Grande Baile das Comunidades no Club Só Areia, na Rua Djama Dutra no bairro da areia.
      A ideia é resgatar  os grandes carnavais com execução ao vivo das clássicas machinhas carnavalescas. O folião poderá vestir sua fantasia e brincar à vontade num ambiente popular e saudável.
     Participando do baile você vai está ajudando a CEB e executar seus projetos sociais.
    Organizado pelos amigos da CEB, o evento foi bem recebido pelas lideranças comunitárias que tudo farão para a o sucesso da  festa.
   Na ocasião será feito o sorteio de uma Rifa Carnavalesca com objetivo de angariar recursos para manutenção da entidade.
    Não perca este evento,  Venha e traga toda sua comunidade.

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Coletiva à Imprensa marcará lançamento da Campanha da Fraternidade em Bacabal



A Igreja Católica de Bacabal marca para o dia 9 de março às 18h no espaço da Catedral de Santa Terezinha, uma coletiva de imprensa como ato de lançamento da Campanha da Fraternidade 2019.O Evento contará com a presença do Bispo Dom Armando e outras autoridades eclesiásticas e politicas.As constantes crises políticas e econômicas abrem cada vez mais espaço para o crescimento da descrença e desconfiança nas instituições do país.A igreja que sempre esteve o lado do povo, vem ao longo do tempo refletindo esses problemas à luz do evangelho.
Papa Francisco, na encíclica Laudato si, adverte sobre essa realidade. “Muitas vezes, a própria política é responsável pelo seu descrédito, devido à corrupção e à falta de boas políticas públicas”.
Bacabal , cidade centenária nunca soube o que política publica de Verdade, entra gestor e sai gestor, mas a forma de governar é a mesma.

O problema é que, quando deixamos de acreditar, perdemos também a capacidade de tomar iniciativas e de manifestar interesse em mudanças, e a ganância e ambição dos que deveriam garantir os diretos e o bem comum da população ganham cada vez mais oportunidades e protagonizam um cenário cada vez mais desolador.

Nesse panorama Bacabal, destaca-se nessa carência de políticas públicas efetivas para contemplar as graves questões sociais do município, como o desemprego, desigualdade social, saúde, moradia, educação, violência e exclusão social.

Para combater esses inúmeros desafios, a Igreja no Brasil vai refletir, na Campanha da Fraternidade deste ano, o tema das Políticas Públicas.

Segundo o secretário executivo das Campanhas da Fraternidade, padre Luís Fernando da Silva, quando se fala de política, se fala de participação das pessoas no processo de gestão e controle social. “Todos os cristãos têm a missão e são chamados a participar do processo das políticas públicas. Este é o grande convite e contribuição da CF 2019”.

A atual situação de Bacabal exige então, o correto discernimento e responsabilidade dos cidadãos, e também das instituições e organizações responsáveis pela justiça e construção do bem comum.

Dentro da temática da Campanha da Fraternidade, o lema também ajudará os católicos e a sociedade em geral compreender sua missão, diante de uma realidade de desânimo e ausência de esperança.

Diário do Mearim com informações da internet

terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Imprensa Bacabalense articula reunião para organizar a classe

       
Por iniciativa dos Jornalistas Osmar Noleto, Salomão Duarte e Zezinho Casanova, acontece nesta quarta(20) às 19h no salão nobre do Wanguad à avenida Barão do Rio Branco, uma reunião que reunirá profissionais da imprensa bacabalense que atua em suas diversas atividades de comunicação.           O objetivo é resgatar a Associação de Imprensa de Bacabal para dá maior visibilidade à classe no município.
        Além dos problemas pertinentes  da classe, será discutido o papel da imprensa em relação ao centenário da cidade e o credeciamento nacional dos profissionais da área.

Quem pode Participar?

        Poderão participar da reunião e pleitear suas filiações à Associação, todos os que atuam de forma profissional ou como colaborador na Imprensa Bacabalense (Jornalistas, Radialistas, Diretores e Proprietários de Veículos de Comunicação, Articulistas, Colunistas, Fotógrafos, Cinegrafista e demais Colaboradores e Profissionais da Imprensa).
       
Com isso pretende-se que todos os trabalhadores da imprensa local despertem para a necessidade da melhoria da qualidade de seus trabalhos, a Associação de Imprensa de Bacabal  pretende despertar  em seus quadros a auto critica profissional buscando a realização de oficinas e cursos de capacitação de seus associados.

Jornalistas e a necessidade da união

         Percebe-se que apesar das diferenças que entre os profissionais da imprensa,  há aspectos que os une, tais como a falta de valorização, questões trabalhistas, falta de formação e organização da classe. Os comunicadores bacabalenses precisam se reencontrar e ao se reencontrar buscar a qualificação que a profissão exige.Clique aqui e veja o Convite para a reunião.

domingo, 17 de fevereiro de 2019

Central de Entidade de Bacabal elabora Plano de Ação Comunitária

Cansados de serem   literalmente embalados pelas figuras politicas locais, lideranças da zona rural e urbana procuram a CEB - Central de Entidades de Bacabal - com o objetivo de fortalecer suas comunidades e respectivas organizações. Sob a liderança de dona Terezinha a CEB acolheu a todos os presidentes de associações e resolveu, apesar das dificuldades, elaborar um Plano de Trabalho para atender as comunidades.
Umas das primeiras ações foi fortalecer a direção da instituição com novos quadros, a criação de Secretarias para descentralizar as atividades da entidade.
A CEB já começou a elaboração de seu plano de trabalho para 2019 contemplando as necessidades das entidades na busca pela efetivação das políticas publicas. O movimento não descarta a cooperação com o poder publico, mas com garantia de independência do movimento para reivicar melhorias para comunidade.
Atualmente os problemas são muitos, é falhas na saúde, educação e saneamento básico, as lideranças comunitárias não aceitam mais serem enganadas por gestores que deveriam agir como parceiros na conquistas de novas politicas publicas.
Umas das primeiras atividades da CEB será  o Carnaval das Comunidades programado para acontecer no Club Só Areia no bairro da areia. 
Com essas medidas a CEB pretende cumprir sua missão de Assessorar suas entidades filiadas na gestão, elaboração de projetos e captação de recursos para garantir independia ao movimento.

sábado, 16 de fevereiro de 2019

Coronel Egídio poderá ser novo Prefeito de Bacabal

         
A disputa pelo Palácio das Bacabas já começou. Nos bastidores políticos comenta-se nomes, cogita-se alianças e  se antigamente havia Senadinhos, hoje é povo que comenta o que se passa no poder. O Palácio das Bacabal sob a direção do "liso" parece sem rumo certo deixando a cidade com futuro incerto. Reis tupiniquins e sem coroa, sentam em seus tronos como se montassem seus cavalos e o povo navega a deriva em busca de uma nova Bacabal
        Neste cenário tenebroso a casa do povo( câmara municipal) já não nos representa, deslealmente fazem o jogo que não é do povo. A boa imagem do governo precisa ser maquiada e essa função é dos marqueteiros de plantão,  verdadeiros vampiros a sugar a cidadania do nosso povo.
        A bipolaridade na disputa pelo poder local começa a perder espaço, surge e o povo quer, uma terceira via. Quem se habilita? Comenta-se nomes como do médico Maurício Carvalho e até mesmo do Coronel Egidio, que com atuações cinematográficas na policia Militar ganhou respaldo bastante para ser bem eleito Vereador, homem de projetos inovadores, a maioria aprovados, outros rejeitados e alguns não sancionados ou engavetados. Destacou-se como candidato a Deputado e provocou a ciumeira no seu grupo politico formado pelo o que a de pior na politica maranhense. O Coronel, como Vereador torna-se cada vez  mais civil, agora basta deixar de bater continência para as velhas raposas de politica(romper) e torna-se uma grande liderança. Será que ele tem coragem? Com certeza isso não é tão fácil como aparecer na tv fazendo justiça a menores infratores. 
     O fato é que o povo clama por uma liderança, e do jeito como estão conduzindo cidade, ou como está sendo conduzido o prefeito  cresce e muito a  nome César Brito, diamante bruto a se lapidar para governar a cidade. O momento é de reflexão e união, o povo já esta unido numa só voz, do jeito que está não pode continuar, mas isso é pauta para outra matéria...

terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

Mestre Claudemir completa 93 anos

Está ficando cada vez mais fácil encontrar pessoas que assim como Bacabal são quase centenárias.Seu Claudemir Souza morador do bairro Setúbal, comemorou neste domingo (10) 93 anos, nascido a 08 de feveiro de 2016 seu Claudemir é uma testemunha ocular da história de Bacabal, descendente de escravos guarda na memoria a história de seus antepassados no que seria um autentico quilombo Canaã, localidade que o mesmo sente-se lesado pela ganancia dos latifundiários do Mearim.
Mestre Claudemir ficou famoso em Bacabal quando participava do Grupo de Idosos "Paulo Campos" onde demonstrou sua habilidade na dança popular de salão, foi coroado  4 anos como Rei dos idosos sempre agraciado em primeiro lugar nas festas da "idade feliz".
Seu Claudemir com familiares e amigos

Mesmo ao 93 anos Seu Claudemir como competente trabalhador rural até hoje planta sua roça que o mesmo faz questão de cuidar.
Seu Claudemir sempre com um sorriso no rosto calejado ainda expressa ares da juventude, com bom humor lembra de sua infância e afirma ter comprado seu primeiro cavalo aos 8 anos, trabalhou quase a vida toda com alfaiate. Seu aniversário foi comemorado ao lado da família com  netos e bisnetos, prestigiado por lideranças comunitárias e politicas dando exemplo de saúde, bom humor e respeito. Parabéns Mestre Claudemir.
Casanova, Seu Claudemir e Paulo Campos