Diário do Mearim Cidadania

Diário do Mearim Cidadania

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Sociedade civil Elege os novos membros do Conselho Municipal de Cultura de Bacabal


Artista e produtores culturais do município de Bacabal reuniram-se em assembleia geral através do Forum Municipal de Cultura neste sábado (21) às 9:00h na  auditório da escola de música do  monicipio com o objetivo de elegerem os representantes da sociedade civil para comporem o conselho Municipal de Políticas Culturais. Convocados pelo Poeta Paulo Campos e pelo ativista  LGBT  márcia Jany ambos representantes  de Bacabal no conselho estadual de cultura, o forum transcorreu em clima de normalidade e com a participação de um grande numero de pessoas ligadas arte e cultura.O presidente do conselho em exercício, Victor Emanuel, iniciou o fórum com votos de boas-vindas a todos, em seguida, passando a palavra para a  secretária municipal de cultura, Cristina Miranda, que ressaltou a necessidade de todos os produtores culturais registrarem seus grupos e, aproveitando a oportunidade, convidou a todos para participar de oficinas  que serão ministradas durante o I Seminário de Formação Artística e cultural com  técnicos estaduais e federais visando instruir os produtores de cultura do município sobre a regulamentação de seus grupos e como proceder, dentro da legalidade, para inserir-se nas concorrências de editais públicos que visem adquirir recursos para expansão de seus trabalhos culturais. Paulo Campos  exemplificou a importância do registro para os grupos culturais. Marcos Jane também expôs sua opinião a respeito do crescimento das expressões culturais bacabalenses que depende muito da legalidade dos grupos. A secretária de Cultura Cristina Miranda retomou a palavra para reforçar o convite a todos para participarem das oficinas e palestras que acontecerão na Escola de Música Almir Garcez Assaí e enfatiza que participando destas oficinas os representantes dos grupos receberão informações sobre as concorrências de editais que visam o fornecimento de recursos que possibilitem a manutenção dos grupos em funcionamento e, assim, prosseguir como agentes culturais. 

A secretaria relatou ainda a programação das oficinas, e tratou da dificuldade de conseguir os seus ministrantes, inclusive com a participação de um conselheiro nacional de cultura e outros membros capacitados sobre o assunto.
. Posteriormente, o conselheiro/músico Perboire Ribeiro deu seu depoimento sobre sua experiência de exclusão da Lei do Incentivo, principalmente por não ser legalizado. O conselheiro Paulo Campos complementou ao ressaltar sobre a necessidade de desburocratizar a viabilização da realização dos projetos culturais e comparou-o com o Bolsa Família que tem uma maneira mais simplificada dos recursos chegarem até seus contemplados e expressou sua inquietação quanto à morosidade na aprovação de projetos, sobre a extinção de importantes grupos culturais nordestinos por não conseguirem recursos e, principalmente, pelo desconhecimento dos processos de acesso aos recursos, enfatizou, ainda, a necessidade de participação nas oficinas com responsabilidade para aprimorar seus conhecimentos quanto à legalidade dos grupos, pois só assim terão oportunidade de comprovar o composto de que o Maranhão é o mais rico estado em produção cultural.
Após longos e calorosos debates o Tecnico da Secretaria de cultura Zezinho Casanova leu a propsota de regimento interno para elição dos coselheiros, que foi aprovado com raras resalvas, em seguemido a plenária dividiudu-se por segmentos para escolherem seus representantes. Até o fechamento dessa matéria recebemos a informação dos seguintes conselheiros eleitos:
1.ACADEMIA BACABALENSE DE LETRAS
TITULAR: João Batista da Costa Filho
SUPLENTE: Raimundo Laércio de Oliveira
2. CULTURA POPULAR
TITULAR: Francisco Santos da Cunha
SUPLENTE: José Ribamar Pereira Filho
3. ARTES VISUAIS
TITULAR: Francisco David Dutra Barbosa
4. ORGANIZAÇÕES NÃO GOVERNAMENTAIS
TITULAR: Antonio José sousa  Fonseca
SUPLENTE: Antonio dos Reis Machado
5. MÚSICA
TITULAR: Perboire Ribeiro
SUPLENTE: Antonio Carlos
6. EMPRESAS E PRODUTORES CULTURAIS
TITULAR: Jeremias
SUPLENTE:
7. MOVIMENTOS DE IDENTIDADE SEXUAL
TITULAR: Marcia Jane
SUPLENTE: 
8. CULTURA AFRO BRASILEIRA
TITULAR: Angela Pacheco
SUPLENTE: Eraldo Reis
9. TEATRO
TITULAR: Maria Dalva
SUPLENTE: Franklin Oliveira
10. TRABALHADORES DA CULTURA
TITULAR: Janete Valéria
SUPLENTE: 

Nossa redação ainda não eve acesso ao nome dos demais   eleitos, ao final d  forum os mesmos foram apresentados  à plenária e todos posaram para foto oficial do evento.


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário