Diário do Mearim Cidadania

Diário do Mearim Cidadania

sexta-feira, 14 de junho de 2019

Bacabal adere à greve geral contra cortes na educação e reforma da previdência

Estudantes da rede básica do ensino médio e associações sindicais (APRUMA, SIMPROESSEMA, UAEFAMA) e comunidades bacabalenses foram às ruas Nesta sexta-feira (14) numa manifestação em defesa da previdência social e contra os cortes da educação .
Professores, estudantes e sindicalistas foram às ruas de Bacabal em uma luta conjunta que tiveram como pauta os cortes na educação (contingenciamento dos 30% nos Institutos federais e Universidades Federais) e em defesa da previdência publica social. Durante todo o trajeto da caminhada pacífica que saiu de frente a igreja de São Francisco de Assis (Magalhães de Almeida) e encerrou-se na Praça Silva Neto (Centro), estudantes e professores gritavam palavras de ordem e denunciando os impactos que as universidades e institutos federais sofrerão com o contingenciamento e as propostas da nova reforma da previdência lançada pelo governo federal que atingirão os mais pobres e toda a classe ruralista.

Um sucateamento e um retrocesso muito grande que estamos vendo na educação, os estudantes não arredarão o pé, continuaremos em marcha em defesa da educação e da soberania nacional, afirma Jackson (acadêmico de sociologia da Universidade Federal do Maranhão-UFMA).

Bancos e alguns estabelecimentos comerciais hoje não funcionaram e aderiram à greve geral que vem ocorrendo nos 26 estados brasileiros e no Distrito Federal, em Bacabal o movimento chamou atenção pela organização e participação de todos os setores da sociedade,mesmo empresários e pequenos empreendedores que não participaram da caminhada demonstraram solidariedade aos manifestantes que deixaram claro não serem do contra, mas contra esta reforma da previdência da forma perversa que está sendo imposta ao povo brasileiro.
COM INFORMAÇÕES DO SITE CUXÁ



0 comentários:

Postar um comentário