Diário do Mearim Cidadania

Diário do Mearim Cidadania

segunda-feira, 7 de maio de 2018

Imprensa maranhense explica fenômeno Simplício Araújo



    
Uma pré-candidatura vem sacudindo o cenário político maranhense e chamando atenção dos analista políticos da imprensa estadual.Trata-se de fenômeno Simplício Araújo, sinônimo de Geração de emprego, renda, atração de investimentos, diálogo franco e transparente com a classe empresarial e contrapartidas sociais. Estes alguns dos feitos realizados pelo ex-secretário de Indústria, Comércio e Energia, Simplício Araújo, que é presidente estadual do partido Solidariedade.

     Jornalista e blogueiros da capital e do interior analisam o crescimento do nome de Simplício como resultado do trabalho desenvolvido pelo mesmo. Como secretário Araújo desempenhou papel preponderante diante da crise econômica que atravessa o país. Abriu as portas de uma secretaria que antes atendia uma minoria da população, atraiu investimentos, fomentou negócios, dialogou com transparência e democracia com as entidades empresarias, conseguiu diversas contrapartidas sociais, que resultaram na construção de escolas, doação de equipamentos e de ambulâncias para várias cidades do Maranhão dando o toque de arte final da gestão Dino.

     Um exemplo claro de seu trabalho, está nas cadeias produtivas. Em Grajaú, Simplício Araújo executou um papel crucial para fazer com que o polo gesseiro da cidade ampliasse sua produção, atraísse novos negócios. Esteve com empresários da região em Brasília, no Departamento Nacional de Produção Mineral (DMPN), tratando de gargalos do segmento.

     E não para por aí, na região Tocantina, realizou trabalho em prol das cadeias produtivas, a exemplo, temos a valorização do polo coureiro da região de Governador Edson Lobão, com qualificação de mão de obra, primeira escola voltada para as atividades do ramo, o IEMA Couro, que oferece além de cursos vocacionais, aulas de inglês e ainda sob sua gestão, foi realizada a primeira Feira do Couro.

     Em Coroatá, um investimento na cadeia produtiva da avicultura vai mudar para sempre à matriz econômica da cidade, um dos três “corredores do frango” implementamos na sua gestão.

     Simplício é sobretudo um homens de ideias a frente do seu tempo, por isso são incontáveis as contribuições que deixarão legado positivo de sua passagem pela Seinc; armazenamento de combustíveis, siderurgia, álcool e açúcar, setor atacadista, medicamentos, democratização dos incentivos fiscais e a luta incansável contra a burocracia.“Passamos 80% do nosso tempo destravando gargalos em outras secretarias e esferas municipais e federais”, disse Araújo.

     Simplício Araújo deixou também um importante legado na valorização dos produtos maranhenses, que tinham participação muito pequena na demanda interna de consumo dos lares maranhenses.

     A realização dos Seminários Estratégicos ‘Mais Desenvolvimento’, que debateu temas relevantes para o Maranhão, como energia, agronegócio e mercado interno. Neste último, houve o lançamento do selo ‘Produzido no Maranhão’, que visa entusiasmar as indústrias locais a despertar na população o sentimento de consumir nossos produtos e defender nossos Empreendimentos, gerando mais emprego e renda no estado.

Pré-candidatura a deputado federal

     Atualmente, Simplício Araújo está voltado para sua pré-candidatura a Deputado Federal, mas não é apenas a imprensa maranhense que descobriu o fenômeno Simplício,ao assumir o cargo, Araújo com apenas onze meses de atuação, foi eleito pela revista VEJA um dos 20 parlamentares mais atuantes do Congresso. Teve 2 anos de atuação e foi reconhecido pela lista da revista VEJA sempre entre os 20 mais atuantes do Brasil.

     Nos bastidores da política e dos meios de comunicação social em diversas mídias, cresce cada vez mais o número de apoio para a corrida a Câmara Federal. Os comentários são de que o nome de Simplício Araújo se configura como forte candidato a assumir a uma vaga. Se regressar à Câmara Federal, o ex-secretário dará continuidade aos projetos que impactam diretamente no desenvolvimento do Estado, na geração de emprego e renda, dando sequência aos trabalhos por ele desenvolvidos em prol do Maranhão.
FONTE: Blog Marco Aurélio D'Eça com adaptações do Diário do Mearim

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário