Diário do Mearim Cidadania

Diário do Mearim Cidadania

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Simplicio Araújo convoca Secretários Estaduais de Desenvolvimento para debater reforma tributária

Um dos temas mais debatidos atualmente no país, foi discutido durante a 21° reunião do Conselho de Secretários de Desenvolvimento de Indústria e Comércio (Consedic), na última quarta-feira (17), em Brasília. O presidente do Conselho, Simplício Araújo, Secretário de Indústria, Comércio e Energia do Maranhão, apresentou as pautas da reunião que incluíram, além da reforma tributária, as ações do Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

Durante a reunião, as ações do MDIC, como sua nova estrutura, a nova política automotiva e o debate sobre o futuro da indústria, foram destacados pelo Ministro Marcos Pereira. “Convido os secretários a participar com as contribuições nesse momento em que o ministério toma medidas de grande relevância para o Brasil”, afirmou. O Ministro, anunciou que está em fase final de elaboração a portaria de criação, ainda este mês, do Grupo de Trabalho da Indústria 4.0.

O ministro convocou os Secretários a participar do novo momento do Mdic, com pautas que redefinem rumos para a indústria em geral e programas de valorização dos empreendimentos nacionais. ” Ressalto a importância desse Conselho para discute pautas importantes para o futuro do Brasil”, pontuou Marcos Pereira.

O deputado federal Luiz Hauly convidado para expor sobre seu projeto referente a reforma tributária, destacou a participação do Conselho, pois segundo ele, são secretários que lidam com o empresariado, com a geração de emprego e renda. “A proposta que eu estou fazendo de simplificação tributária e tecnológica, é a proposta do emprego. A nossa proposta vai ajudar no desenvolvimento econômico e social do país, gerando esses empregos, pois além de eliminar novos impostos”

O Presidente Nacional do Consedic, Simplício Araújo, frisou que num momento tão importante para o segmento produtivo brasileiro, onde pode surgir uma nova matriz tributária, o Consedic precisa estar presente, acompanhando e debatendo sobre o processo.

“É hora de diálogo, estudo e muita responsabilidade com as reformas , dentre elas a mais importante, para nosso segmento, é a tributária, que deve ser conduzida para ajudar a desenvolver o país e desburocratizar a atual seara de impostos e tributos”.
Fonte: Mayara Rêgo

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário